Atenção aos novos valores das Multas de Trânsito

Novos valores de multas de transito começam a valer em novembro

Os novos valores das multas de trânsito começam a valer a partir de 1º de novembro em todo país. Com isso é importante dobrar a atenção quanto as infrações, que além dos pontos na CNH, Carteira Nacional de Habilitação, o valor delas também ficará mais salgado.

Falar ao celular, por exemplo, teve um aumento de mais de 244% e a partir de agora é infração também segurá-lo ou manuseá-lo enquanto dirige, além de mudar de infração média para gravíssima.

Os aumentos serão de 66% nas multas leves, 52% nas multas médias, 52% nas multas graves e 53% nas multas gravíssimas. E segundo o órgão responsável pela fiscalização, o intuito é conscientizar os motoristas sobre a gravidade dessas infrações e que não tem a missão de aumentar a arrecadação.

O valor da multa para quem é pego dirigindo sob o efeito do álcool, por exemplo, passará a ser de R$ 2.934,70, e se for reincidente dentro do prazo de 1 ano poderá chegar a R$ 8.804,00.

Se o condutor ultrapassar os 20 pontos na CNH terá a suspensão aumentada para 2 meses sem dirigir. Só que a parir de agora o carro não será apreendido, porém terá que ter alguém habilitado para retirá-lo do local.

Mudanças no tipo de infração

Algumas infrações mudarão de gravidade também a partir de 1º de novembro. São elas:

Usar Celular ao dirigir – De infração média para gravíssima;

Estacionar em vaga para deficiente e idosos – De grave para gravíssima;

Falta de Habilitação para Cinquentinha –  Infração gravíssima e multa de R$ 880,41.

Segundo o órgão responsável, os aumentos ocorreram devido ao longo período sem reajuste. Desde de 2000 que não havia nenhuma mudança nesses valores e com isso esperam que os motoristas fiquem mais atentos as leis e respeitem as normas de trânsito, visando sobretudo a segurança tanto para quem dirige quanto para o pedestre.

App que dá descontos nas multas

Também será lançado neste 1º de novembro o Aplicativo Sistema de Notificação Eletrônica (SNE) onde o condutor poderá obter 40% de desconto na sua multa, mas para isso não deve ter recurso. Porém alguns Estados ainda dependem que seus órgãos fiscalizadores estejam adequados ao novo sistema e para isso ainda não há prazo de regularização.

De qualquer forma é importante a conscientização dos motoristas quanto a gravidade dessas infrações. Falar ao celular é comprovadamente uma ação que aumenta em muito a probabilidade de acidentes, além de dirigir embriagado que põe a própria vida em risco e a vida de outras pessoas.

Fique atento aos novos valores e alterações de gravidade, mas sobretudo, aos problemas que podemos evitar quando dirigimos dentro das normas de trânsito.

E se for dirigir não beba, mas se for beber chame um Táxi, um Uber ou um amigo que não beba para poder dirigir por você, ok. Um abraço e até a próxima!

Gostou? Então compartilhe na sua rede social!

Márcia Rabelo

Graduando em Administração de Empresas pela Universidade Nove de Julho, produtora/editora de textos e artigos para os sites Clube DETRAN, vocênoenem e I50, além de gerente de vendas no Grupo Barukar E-commerce.

13

Deixe seu Comentário

avatar
11 Comentar tópicos
2 Respostas do tópico
1 Seguidores
 
Comentário mais reagido
Tópico de comentário mais quente
13 Autores de comentários
LucianoFabriciaCélio Fernandes de SouzaAuristelaFinéias Silva Autores recentes de comentários
mais novo mais velho mais votados
Fabricia
Visitante
Fabricia

Ótimo quem sabe as pessoas respeitem mais as leis de trânsito, guardem seus celulares no bolso, não ultrapassem o farol, não andem no acostamento, não façam fila dupla nas portas de escolas e por aí vai é tanta impunidade que nego tem que passa óleo de peroba no rosto todos os dias.

Célio Fernandes de Souza
Visitante
Célio Fernandes de Souza

É de ficar revoltado disseram que não é pra aumentar a arrecadação kkkkk estão querendo enriquecer a cada multa dada imaginem aí pessoal tem multa para mais de 8000,00 e tem gente que concorda ainda aumentam valores de multa, pedágio, imposto água,luz etc mais e o salário como fica onde está o emprego para o povo Saúde e educação segurança ninguém fala os governantes inventam leis só para tirar mais dinheiro do povo e quando vão fazer uma reportagem com as pessoas eles concordam ainda vamos acordar pessoal tá tá na hora dos brasileiros sê rebelarem com esses abusos não… Leia mais »

Finéias Silva
Visitante
Finéias Silva

O engraçado nisso tudo,é que eles ainda tem a coragem de dizer que não e para arrecadar grana! Vivemos em um país onde ladrões governam. E quem paga? Somos nois.

João Paulo Farias
Visitante
João Paulo Farias

Fiscalização e punição para quem erra, está corretíssimo, agora o que queremos é que seja uma coisa justa, que vejamos o retorno dessa arrecadação em melhorias no trânsito, que também as multas tenha imagens comprobatórias da irregularidade, não você ser multado por está estacionado em um lugar que você nunca na vida parou lá, por esse motivo sem direito a defesa, agora coloquei um rastreador no carro, se vinher acontecer novamente, ter como mostra a falta de veracidade no motiva da multa e que também seja visível a aplicação do recurso no trânsito.

Auristela
Visitante
Auristela

Era pra ser investido em melhorias mas quem ainda acredita nisso? Hoje cai em 2 buracos aqui na minha Metrópole com mais de 2 milhões de habitantes. E quem vai pagar os amortecedores? euzinha. Mas minhas multas vão pro bolso dos corruptos do serviço publico, isso é o que sei,

Emerson Gomes da silva
Visitante
Emerson Gomes da silva

Isso è oque da viver em um país comandado por ladróes , nunca irá melhorar , continua gente, votando pra esses vagabundo, que vai disso para piór.

Cesar
Visitante
Cesar

Acho que se o condutor for pego por fotosensores etc, “tudo bem”, o ruim é que temos que engolir a tal da FÉ PÚBLICA, de um guarda de trânsito, ou seja, ele disse tá dito.

Luciano
Visitante
Luciano

Mais uma vez o governo investindo na má educação do povo. Tem e que fazer campanhas e consciêntizar as pessoas. Educar para que, se assim dá mais lucro. Nada vai mudar vai continuar a mesma coisa e só o estado que vai arrecadar mais. A violência e a irresponsabilidade no trânsito vai continuar. O estado mais uma vez querendo só remediar o que está mal feito. Asfalto e sinalização de qualidade ninguém quer fazer mas fazer o povo se lascar em multas. Punição seria perder a carteira em vários pontos desse debate. E não por multas de valores pornograficos achando… Leia mais »

© 2018 Clube DETRAN Todos os direitos reservados.

ou

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?